Galvão Bueno deixará narrações na TV Globo após a Copa do Mundo

Galvão Bueno se despede das narrações na TV Globo no fim de 2022 — Foto: Divulgação

Depois de 41 anos, ele vai parar de narrar futebol após a Copa do Catar, como o blog informou em 2018. Os motivos: perda de potência da voz; preservação da imagem de Galvão, 71 anos; e extinção de salários altíssimos.

A Copa do Catar será sua última de Galvão na emissora.

O narrador carioca faz aniversário no dia 21 de julho.

Ou seja, estará no Mundial com 72 anos. 

A decisão de não renovar mais uma vez seu contrato fixo partiu da Globo. 

Por vários motivos.

O primeiro deles está na preservação da história de 41 anos do polêmico narrador, voz oficial do esporte na emissora desde 1981. Para o novo comando não há cabimento expor Galvão, que perdeu potência na voz. Algo humano para quem tem 71 anos.Vivido, esperto, inteligente, Galvão sabe que não tem mais fôlego e que sua voz sofre enorme distorção nos momentos fundamentais de uma partida de futebol. Como na hora dos gols. O que ele está fazendo desde a Copa de 2014, quando os primeiros sinais de desgaste já apareciam? Passou a comentar mais do que narrar. A conversa com comentaristas, repórteres e ex-árbitros traz mais informações sobre o jogo. Mas a partida não é narrada de forma integral. Galvão passou a se poupar para os principais lances.

— Estamos conversando, são reuniões em sequência do que será feito depois da Copa do Mundo. Pretendo realmente dar um mergulho de cabeça nesse mundo digital. Estamos negociando participações, sequência na Globo, outras plataformas. A Globo é minha casa. Não poderia chegar a minha última transmissão de seleção brasileira em TV aberta sem me referir a isso. É um momento que vai ser muito especial, marcante e de muita emoção — afirmou Galvão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *