Polícia

Suspeitos de envolvimento com o tráfico de drogas, Policiais são presos

O Departamento de Combate ao Crime Organizado (DRCO) da Polícia Civil, prendeu  nesta segunda-feira (19), pelo por envolvimento com o tráfico de drogas. Os capitães da Polícia Militar Stanley Oliveira de Araújo e Ângelo De Junio de Oliveira Cruz e os Cabos da PM André Hertel Cury Ferreira e Rogério Lopes Rodrigues

 Os policiais presos hoje fazem parte do mesmo grupo dos policiais civis Fabio Acris e Rodrigo Lopes, um escrivão e um investigador, presos na semana passada pelo mesmo motivo.

A operação que prendeu os quatro vazou no início da tarde. O esquema dos policiais envolve a proteção a grupos de traficantes para a distribuição de toneladas de drogas em Manaus e nos principais municípios do interior.

Dois policiais civis foram presos na semana passada, suspeitos de furtar 1,6 toneladas de maconha. Segundo a polícia, a droga foi furtada de uma marmoraria em Manaus, e a dupla foi encontrada no município de Novo Airão, 115 km distante da capital.

De acordo com o delegado titular do Departamento de Repressão ao Crime Organizado (DRCO), Bruno Fraga, a polícia foi informada, na sexta-feira (9), de que a droga estaria no município. Conforme a Polícia Civil, o material estava em um caminhão. “Nós começamos a investigar. Fizemos várias diligências, coletamos imagens dos locais de onde houve a movimentação dessa droga e conseguimos identificar alguns veículos que estiveram envolvidos com este fato”. Comentou o Delegado.

O Delegado informou ainda que, durante as investigações, dois policiais civis foram identificados como participantes do crime. Mandados de prisão temporária em nome deles foram expedidos e eles foram presos. “Prosseguindo com as diligências, conseguimos chegar a um sítio, no município de Novo Airão, onde as drogas estavam escondidas”, disse o delegado Bruno Fraga.

Ainda segundo o Delegado, mais informações sobre o crime ainda não podem ser repassadas, pois as investigações devem continuar para identificar outros participantes.

Os policiais civis que foram presos devem responder pelos crimes de furto, tráfico de drogas e associação para o tráfico. Eles foram encaminhados para a Central de Recebimento e Triagem (CRT) do sistema prisional.

Hugo Portela da Silva (Cabo da PM), Leandro Costa Gomes (Cabo da PM), Jhonatan Ferreira de Melo (ex-PM) e Robson Cascaes de Souza (ex PM) ainda estão com mandados de prisão em aberto.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *